• Ana Paulaº Lappoñi

MOXA: A CURA PELO CALOR!

Se você faz acupuntura há algum tempo, provavelmente já ouviu falar da moxa. É uma prática que pode ser usada como complemento de outra terapia corporal: consiste na queima de um composto de ervas medicinais - sendo a Artemisia Argyi a principal - para que o calor da planta possa agir sobre a pele, aquecendo os canais, eliminando o frio e aliviando a dor.


De acordo com a medicina chinesa, a moxa é capaz de liberar o fluxo de energia acumulado em alguns locais do corpo. O resultado? O alívio de problemas como dor nas costas, enxaqueca e artrite. Eu tenho muitas clientes que, no final da sessão, me contam que sentem um calor repentino passando pelo corpo todo. Isso acontece quando o fluxo de energia é liberado corretamente.




No que mais a moxa pode me ajudar?


Uma outra finalidade importante é deter sangramentos. Já emprestei para algumas pacientes um bastão de moxa para que elas pudessem interromper ou diminuir o fluxo menstrual, por exemplo.


No caso de hemorragias, ela pode ser bastante eficaz. Quem sofre de hemorroidas também pode ser beneficiado com a técnica: uma das propriedades da moxa é diminuir ou eliminar os prolapsos que surgem quando a hemorroida se projeta para fora do ânus, provocando dor e incômodo.


Ela também pode ser uma forte aliada para resolver aquele velho problema de dor nas costas que persegue muitas pessoas há anos. Muita gente nem imagina, mas há problemas na lombar que são provocados pelo frio ou pela umidade.


Talvez você já tenha passado por isso: sabe aquela situação de ficar muito tempo com uma camiseta molhada depois de fazer ginástica ou após tomar uma chuva? É comum sentir dores nas costas depois disso, porque o frio provocado pelo corpo úmido bloqueia o fluxo de Qi, de energia nas costas. Aí vem o desconforto.





Moxa e acupuntura: o casamento perfeito


É a combinação mais comum: a técnica é usada juntamente com as agulhas, potencializando o tratamento. Quem costuma fazer acupuntura e resolve experimentar a moxa não consegue mais abrir mão desse casamento.


Existem pontos no corpo que merecem receber um estímulo mais intenso no combate a alguns problemas específicos. Vamos ver o exemplo de uma pessoa que vive cansada, sem ânimo para nada, que sente muito sono depois do almoço e costuma apresentar fezes amolecidas. A aplicação da moxa, juntamente com a acupuntura, pode fortalecer a energia de forma geral e dar mais disposição.


A cólica menstrual é outro problema que pode ser resolvido por essa dobradinha moxa/acupuntura. Já falamos sobre cólica antes e, na época, eu mencionei que uma das causas dessa dor é o frio no interior do corpo. O uso das agulhas, em conjunto com a moxa, vai aquecer a parte interna das mulheres que sofrem de cólica menstrual decorrente do frio.


O tratamento sem agulhas


Dependendo do problema, a moxa sozinha já resolve. Aqui na clínica eu realizo o tratamento de duas formas: com o uso do bastão ou sob forma de lã. No segundo caso, eu coloco a lã dentro de uma caixa e a posiciono sobre a área do corpo que quero trabalhar. Geralmente escolho algum ponto específico da acupuntura, mas sem usar as agulhas. Esse tratamento é muito eficaz para mulheres com infertilidade. Costumo colocar a caixa de moxa na região do aparelho reprodutivo, entre o umbigo e o púbis.





Outras aplicações bem comuns sobre pontos específicos e que dão muito resultado:


- Estimular imunidade e manter a saúde em dia

- Insônia

- Hipogalactia (produção insuficiente de leite materno)

- Diarreia

- Lombalgia

- Dor nas articulações

- Agitação (necessidade de baixar o yang)

- Asma

- Dor gástrica

- Vertigem

- Virar o feto (para deixá-lo na posição de parto normal)


A moxa é um tratamento eficaz e sem efeitos colaterais!


O fato é que a alta eficácia, o baixo investimento a ausência de efeitos colaterais fazem da moxa o tratamento ideal para quem já tentou de tudo e ainda não conseguiu eliminar aquela dor que parece não ter fim.


Que tal experimentar?


O Ana Paulaº Lappoñi Espaço Terapêutico, minha clínica de acupuntura em Pinheiros, fica na Rua João Moura, 661, conjunto 63, pertinho do metrô Oscar Freire.


Se precisar tirar dúvidas, pode me ligar ou mandar um WhatsApp para (11) 99141-1712.


Também pode clicar aqui e mandar uma mensagem.


Espero ter contribuído trazendo mais informações sobre a medicina tradicional chinesa. A ideia deste blog é mostrar que existem técnicas milenares e eficazes que ainda não são tão conhecidas no Brasil. E que uma delas pode ser a ideal para melhorar a sua saúde!

20 visualizações0 comentário

© 2019 por Lu Costa Design