• Ana Paulaº Lappoñi

SABURRA LINGUAL: VEJA COMO LIDAR COM ESSE PROBLEMA!

Ok, saburra lingual... talvez você nunca tenha ouvido falar nisso. Certamente o apresentador do Jornal Nacional não chamará uma reportagem sobre esse assunto hoje. E não existe uma campanha do Ministério da Saúde auxiliando os pacientes de todo o país que são vítimas deste mal. Mas elas – as vítimas – existem... e muitas vezes nem sabem que estão doentes.


Então eu vou começar explicando que saburra lingual é aquele tapete branco que se forma na língua. Faça o teste. Vá até o espelho, abra a boca e coloque a língua para fora. Se ela estiver vermelha ou rósea, ok, tudo certo. Mas se parece que nevou na sua língua... já entendeu, né? É a tal da saburra lingual!




Saburra lingual: por que minha língua está branca?


Pode ser que a sua língua tenha ficado branca por diversos motivos. Um deles é a má higiene bucal. Sabe aquele escovadinha rápida nos dentes? Não funciona. Você precisa seguir DE VERDADE as orientações do seu odontologista. Escovar bem os dentes após cada refeição, escovar a língua e o céu da boca, passar fio dental com capricho.


Essa camada de sujeira acumula uma série de componentes, como células epiteliais, leucócitos, restos alimentares e bactérias. E acaba desencadeando mau hálito. Aí o problema é duplo: a língua fica feia e com o cheiro ruim.

Ah... importante lembrar: nem sempre a saburra lingual é branca. Em alguns casos, a cor pode ser mais amarelada ou bem escura.


“Mas Ana Paula, eu escovo os meus dentes di-rei-ti-nho. Dizem até que eu exagero. Fico um tempão no banheiro”.


Bem, se você é o campeão mundial de higiene bucal e mesmo assim sua língua está branca ou amarelada, precisamos investigar o que se passa no seu organismo.




Mostrar a língua não é a falta de educação!


Para a medicina tradicional chinesa, mostrar a língua não é falta de educação. Ela pode revelar muito sobre você, ou melhor, sobre os seus desequilíbrios de saúde.


O seu cérebro até pode enviar um comando para sua voz contar alguma mentira! Mas a língua nunca mente!

Sempre que atendo um paciente pela primeira vez, além das perguntas relacionadas ao motivo da consulta, verifico o pulso e a língua.


O exame da língua serve para ajudar a fechar o diagnóstico do paciente. É comum encontrar algo que não havia sido visto na anamnese. E isso me ajuda a entender o que está havendo com o paciente.





Saburra lingual: o que o teste da língua pode revelar?


A medicina tradicional chinesa estuda a saburra lingual há muito... muito tempo. E em todo esse período detectou diversas variantes do problema. A saburra pode ser grossa, fina, úmida, seca, pegajosa, fácil de tirar escovando e difícil de tirar escovando. Cada um destes tipos quer dizer uma coisa.


Que tal um exemplo para deixar a situação mais clara?


Se a saburra for grossa e amarelada, e até grossa e escura, estamos diante de um quadro de calor interior. E esse calor pode estar localizado no estômago, ser uma azia, queimação ou um quadro de insônia em que a pessoa não consegue dormir de jeito nenhum.





O dia em que minha irmã fez o exame da língua!


O telefone tocou cedinho. Do outro lado da linha, minha irmã pedia ajuda. Estava enjoada, passando mal e não fazia ideia do motivo. Perguntei se havia comido algo diferente no dia anterior. O jantar havia sido peixe, que é um alimento leve. A causa não estava aí.


Pedi para que me mandasse uma foto da língua. Um minuto depois, a imagem chegou pelo WhatsApp, revelando uma senhora saburra! Das grossas! Indicando acúmulo de alimento no interior. Ou seja, o problema não foi comer peixe, e sim o estado de conservação dele... estava passado, vencido.


A aconselhei a provocar o vômito. Ela conseguiu e, pouco tempo depois, a língua voltou ao normal e a saúde foi restabelecida.





Saburra lingual: como é a língua de uma pessoa saudável?


Eu tenho certeza de que, a essa altura do campeonato, você já fez alguns intervalos na leitura para checar sua língua. E agora que já entendeu o problema, chegou a hora de descobrir o contrário... qual é a aparência da língua de uma pessoa saudável?


Uma pessoa vendendo saúde ainda terá uma saburra... porém, muito fina, bem clarinha, nem muito brilhante, nem muito úmida, nem muito seca. A língua não deve ser grossa nem fina.


Outro ponto que eu costumo observar no exame inicial é a textura, que pode ser chamada de “delicada” ou “velha”.


Língua delicada e língua velha


Delicada é aquela língua lisinha, e essa condição representa alguma síndrome de deficiência.


“Como assim, Ana Paula?????????”


Calma... imagine uma pessoa com sintomas de astenia física, cansaço fora do comum, sem força para fazer as atividades rotineiras e com transpiração espontânea durante o dia. Essa pessoa apresenta sintomas de deficiência da energia do Baço e terá esta língua lisinha.


Já uma língua velha é aquela que apresenta uma superfície grossa. Ela pode ser normal ou um indicativo de alguma síndrome de excesso.


Saburra lingual: a representação dos órgãos do corpo na sua língua!


Não avalie minha capacidade profissional com base na minha habilidade artística, viu? Olha lá... sou muito melhor terapeuta oriental do que artista gráfica. Mas fiz um desenho para demonstrar que os órgãos têm sua representatividade em regiões da língua.




O

Se a ponta da língua está vermelha, pode ser um indicativo de que existe algum desequilíbrio na energia do Pulmão ou Coração. E este desequilíbrio está causando sintomas de calor, como insônia, dor de cabeça e palpitação.


Chega de se preocupar com a sua língua!


Deixe que um profissional da Medicina Chinesa “descubra”, por meio de uma análise minuciosa, informações que podem ser úteis para a sua saúde.


Na próxima vez em que você vier ao Ana Paulaº Lappoñi Espaço Terapêutico, minha clínica de acupuntura e shiatsu em Pinheiros, farei uma avaliação da saburra lingual.


Você ainda tem alguma dúvida sobre este assunto? Então clique aqui e envie uma mensagem.


Se preferir, pode me ligar ou mandar um WhatsApp para (11) 99141-1712.


O Ana Paulaº Lappoñi Espaço Terapêutico fica na Rua João Moura, 661, conjunto 63, pertinho do metrô Oscar Freire.


Até a próxima!

51 visualizações0 comentário